terça-feira, 4 de dezembro de 2012

O Ser Humano e o Ciclo da Resiliência na jornada pessoal e profissional _ #FatorSYN!

Oportuno conversar sobre os desafios que são nossa jornada pessoal e principalmente profissional e seus reflexos dentro de cada um de nós.

Vivemos em momento para lá de especial!
Hoje é possível escolher uma profissão (ou criar a sua) que mais possa unir sua verdade, sua missão, sua paixão e seu interesse e com isso buscar a realização do viver, do conviver e o melhor de tudo, colher resultados.
Se, por um lado, isso significa libertar-se dos estigmas das heranças profissionais e das profissões chavões (das quais sou parte, como engenheiro de produção), também mostra que o desafio permanece o mesmo, ou seja, como transformar sua paixão em uma profissão que possa lhe render dinheiro (a tal moeda corrente, o meio circulante) e garantir ao menos sua sobrevivência ao longo da jornada terrena?
interessante...

Faz-me lembrar dos tempos de nossos bisavós e anteriores, quando havia reis e rainhas e toda uma diversidade de profissões, com certeza em menor escala do que as atuais e com mais certeza ainda as futuras, porém, sempre com o mesmo desafio.

Ao longo de toda história, um dos pontos críticos que nos afetam, independente da opção profissional, e que geram impactos turbulentos enormes, são os eventos dos quais não temos controle e nos pegam de frente, na cara, na carne, na alma...
E quando isso acontece.... fatalmente seremos arranhados, arrochados e arrancados com raiz e tudo.
Iniciamos então uma jornada de difícil caminhar e que, caso não busquemos e tenhamos apoio (familiar, psicológico, filosófico, amigos) seremos atirados no temível buraco escuro da depressão.

Mas os tempos são outros.... e incríveis!!!
Recentemente, estudos e pesquisas, que continuam a serem feitos e aprofundados, mostram que existe um ciclo comum na grande maioria dos seres humanos, quando encaram eventos dessa natureza.
e o que mais chama a atenção é que este ciclo – e aí está o grande trunfo – que nos derrubou no buraco escuro da depressão possui uma escalada para nos fazer superar as adversidades e os acontecimentos desagradáveis, cujo significado e resultado é nos fortalecer, para espiralar novamente a jornada da vida.
É o Ciclo da Resiliência.

http://www.shineyournature.blogspot.com.br/
Este ciclo, que caminha no tempo-espaço, é composto de oito fases: 
Choque
Negação
Revolta
Súplica
Depressão
Reflexão
Aceitação e 
Aprendizado

E é necessário percorrê-lo, fase por fase, para que se possa ao final, prosseguir em frente a sua jornada.

Aqui as dicas são:
. Caso ocorra, não se deixe iludir, enfrente-o.
. Caminhe por cada fase, porém respeite-se muito e busque vivenciar por completo o que ela representa.
. Saiba que por mais difícil que seja cada fase, ela precisa ser trabalhada, esculpida, digerida, absorvida.
. Isso deve ser feito tanto sozinho (algo desafiador!!) quanto com os apoios disponíveis.
. Seja sincero consigo e esteja ciente, consciente e não se deixe enganar.... leva tempo, syn!
. Quando sentir-se no fundo do buraco, construa  e creia em sua Autoconfiança, Autoimagem e Autoestima.
. A escalada de retorno terá início à partir daí, com as fases de Reflexão e Aceitação.
. finalmente chegará a última fase, a do Aprendizado.
Esta fase não é o fim, apenas o retorno à realidade, com melhor discernimento das ilusões.
E a partir daí, acredite, você estará fortalecido e confiante para, simplesmente, continuar, firme e forte.

Este Ciclo da Resiliência, faz parte de nosso desenvolvimento, ainda mais se você for do tipo empreendedor, irrequieto, observador ativo.
Assim, uma vez sabendo que o ciclo existe e que você irá vivenciá-lo, nada melhor que conhecer suas fases e acreditar que, dentro do tempo-espaço individual, único, somente seu, irá superá-lo.

Afinal, vivemos o melhor momento da história.
E nada melhor do que estar preparado, pois assim você e sua jornada pessoal e profissional só terão a ganhar e agradecer, para amanhã dar o próximo passo, em busca da realização plena.

Fontes:
http://synerhgon.com.br/index.htm

PS: Se gostou, compartilhe com sua rede de contatos aí na empresa e nas redes sociais. Se tiver dúvidas ou queira compartilhar suas sensações, deixe seu comentário e conversamos. Syn! Vibro que aprecie muito!

curta.contate.siga.vamos.juntos