sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Porque investir em capacitação gera aumento de 17% em rentabilidade

Já faz mais de dez anos que iniciei o trabalho de capacitar pessoas.
Sempre acreditei e a cada dia acredito mais e mais que não é possível somente "passar" a prática. Ou somente "passar" a teoria.
Aliás, isso é algo extremamente comum em todas as empresas que trabalhei e visito.
Claro que têm seu valor.
Porém, sinto que existe um delicado "vazio" nesse método.
Ao se capacitar somente a prática ou a teoria, ocorre uma "falta" que pode representar perdas evitáveis e trazer reflexos invisíveis para as empresas.
Vamos supor que você vai aprender a fazer um bolo de cenouras com cobertura de chocolate.
Você pode acessar um website de vídeos e assistir a uma aula.
Você pode estar com um confeiteiro e assisti-lo fazer o bolo.
E você pode, também, pegar uma receita na Internet e fazer o bolo.
Qual será esse "vazio" ou essa "falta"?
Tanto um quanto o outro possibilitam a você aprender.
Mas será que o tornarão capacitado?
Será que se tornará capaz de reproduzir com sucesso o produto final?
Esse sucesso compreende aplicar com conhecimento e sabedoria cada um dos componentes da receita do bolo; se a quantidade correta está sendo aplicada; saber identificar se esses componentes estão dentro do prazo de validade; quais as ferramentas e instrumentos são os melhores para sua perfeita operação; se os equipamentos estão prontos para uso e limpos; qual é a sequencia ideal de fabricação; como medir se está de acordo com o esperado, ao final; onde será guardado após pronto e por aí vamos...
Assim, entendo que capacitar precisa unir ambos: teoria e prática.
http://synerhgon.com.br/supervisao.htm
Em meu trabalho de instrutor, busco levar a teoria para a reflexão dos participantes.
Isso inclui, como regra, ensinar a aplicação de instrumentos e ter a certeza de que sairão com confiança para colocar em prática.
Mas, sempre fico com uma tremenda dúvida.
Será que conseguirão realmente aplicar nas suas atividades diárias?
Será que ao aplicarem, e as dúvidas surgirem, terão condições de analisar e prosseguir confiantes?
Para garantir que possam obter todos os benefícios de uma capacitação, resolvi adotar o que chamei de Supervisão Focal Gratuita.
Já faz quatro anos que coloquei isso como parte do processo de capacitação.
Qual é a ideia e o desafio dessa Supervisão Focal Gratuita?
É oferecer aos participantes (e aqui deixo-os à vontade para incluírem outras pessoas de sua empresa) uma hora de conversa sobre como estão sendo aplicadas as teorias nas suas atividades, quais as dificuldades que estão a encontrar na prática, quais os reflexos que já identificaram de positivo ou negativo, entre outras avaliações possíveis.
O que isso pode significar?
Como normalmente as capacitações que realizo possuem oito horas de teoria, sinto que é meu dever disponibilizar essa possibilidade de um novo contato em futuro breve.
Sinto que oito horas pode ajudar, mas como sempre ofereço mais conteúdo e informação do que esse tempo permite, procuro ampliar a possibilidade de sucesso real do participante.
Afinal, somente terei sucesso se ele, participante, tiver ao aplicar o que foi desenvolvido na teoria em sala.
Além disso, é uma forma inteligente e sinergética de estar próximo e poder, junto com o participante, identificar pontos de conflito e dúvidas e buscar eliminá-las.
Com isso, ambos, o participante e eu, saberemos que a capacitação valeu cada segundo e mais ainda, torná-lo apto a realizar e colher os resultados.
Informações  e pesquisas recentes indicam que:
_ Produtividade de empresas com cultura de aprendizagem é 52% maior.
Lembrando aqui que aprendizagem deve ser constante e unir teoria e prática.
_ Colaboradores de empresas com cultura de aprendizagem apresentam produtividade 52% maior.
Como sabemos, "Seres Empresas" só existem e se mantêm ativas se os "Seres Humanos" que lá estão (e passam a maior parte de seu tempo) encontrarem a sinergia da motivação, da troca de experiências e conhecimento.
_ Empresas que investem em capacitação são 17% mais rentáveis que os concorrentes e 92% mais propensas a desenvolver produtos e processos inovadores.
Em tempos de competição global acirrada e com oportunidades de aproximação a um mercado cada dia mais conectado, torna-se evidente que lucrar é ótimo, porém gerar rentabilidade é o que vai possibilitar sua permanência ao longo do tempo.
É nisso que acredito.
É nisso que trabalho.
É assim que podemos "fazer a diferença".
Se você concordou, entre em contato agora e vamos conversar.

http://synerhgon.com.br/agenda.htm

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

O poder energético do cérebro e como aprender a extrair Seu melhor: Energia Vital Potencial Quântica

Um dos hábitos que adquiri nessa jornada profissional e pessoal é unir a "generalidade" com a "especialidade".
Por que?
Entendo que, ainda que se possa se tornar um especialista no que faz, é fundamental estar aberto, ser flexível e usando uma expressão da informática, ser randômico.
Isso permite uma interessante, inteligente e divertida conexão e sinergia.
Pois, se de um lado, a especialização permite se aprofundar nos temas que mais o apaixona, de outro lado a generalização evoca um potente instrumento complementar: a liberdade de associação de ideias.
É um exercício que requer sensibilidade macro e micro.
É um hábito a ser desenvolvido permanentemente.
E provoca uma movimentação energética neurocerebral muito sadia.
Estudos e pesquisas recentes de especialistas neurocerebrais indicam que pode-se aumentar a longevidade ao se buscar trabalhar a mente anexando ao seu dia a dia formas de "sair do quadrado".
Isso permite se defender de potenciais doenças, tais como o Mal de Alzheimer, entre outras.
Ao se praticar a associação de ideias gerais (temas diversos ao seu foco único) passamos a utilizar de maneira dinâmica aquilo que mais possui Energia em você: seu cérebro.
Faz cerca de 4 anos, ganhei de uma amada amiga um livro chamado O Cérebro Quântico, escrito por Jeffrey Satinover.
Jeffrey Satinover é um psicólogo junguiano que está, junto com outros cientistas, desenvolvendo uma máquina que simule o cérebro humano, em um dos laboratórios do MIT.
E nessa jornada, descobriram algo espetacular:
50% de sua Energia está em cerca de 2% de seu Ser Físico Humano.
Ou seja...
Vamos explorar essa realidade fundamental para extrair o seu melhor.
Por alguns instantes feche seus olhos.
Visualize todo seu corpo físico.
Visualize então os dedos dos seus pés.
Depois os pés e lentamente vá subindo.... canelas, joelhos, coxas, quadril, tórax, coluna, ombros, braços, mãos, dedos das mãos, pescoço, cabeça.
Tome consciência plena de todo seu corpo físico, seu corpo biológico.
Agora pense:
Você está totalmente consciente de seu corpo físico.
Ele ocupa um volume cúbico no espaço_tempo.
Esse volume de seu corpo biológico e físico vale 100%.
Responda então:
Quantos por cento em relação ao seu corpo volumétrico vale sua cabeça?
As respostas que recebo, nos trabalhos que realizo, seja uma consultoria ou uma capacitação, indicam que a cabeça representa cerca de 10% de todo o corpo humano.
Muito bom!
Avancemos então nessa descoberta...
Agora visualize sua cabeça.
Tome consciência dela.
Ela, sua cabeça, é seu crânio.
E dentro do crânio estão diversos componentes, certo?
Pois bem... agora visualize dentro de seu crânio tudo que lá está.
Ótimo!
Uma vez consciente disso, responda:
Quantos por cento representa a massa encefálica que está dentro de 10% de seu corpo físico, em relação aos 100% de seu corpo?
As respostas, novamente, indicam que essa massa encefálica, que chamamos de cérebro, ocupa cerca de 2% de seu 100% físico biológico.
E assim, podemos então, com consciência, entender o gigantesco e poderoso órgão que nos acompanha, quando falamos de Energia.
Chamo essa energia de Energia Vital Potencial Quântica.
E somos assim.
Você, eu, seu colega ao lado, seu parceiro(a) amoroso(a), o motorista de ônibus, a professora, o prefeito de sua cidade, o presidente da república.
Podemos dizer que 7 bilhões de seres humanos aqui no planeta Terra são assim.
Você então deve estar se perguntando.... E daí?
E daí, que uma vez que você tome consciência dessa verdade, dessa realidade, comece a aprender a extrair dessa fabulosa Fonte de Energia tudo o que precisa para se tornar melhor.
Esse é o grande desafio que lhe proponho.
Esteja ciente e consciente de que 50% de sua Energia está pronta e disponível para ser utilizada de imediato. Sempre!
E que essa Energia Vital Potencial Quântica está em apenas 2% de seu corpo físico biológico.
Uma vez conhecida essa realidade, é possível então, aprender a extrair o seu melhor e aplicar de maneira positiva em suas atividades, seja você um especialista ou generalista.
Comece agora.
Comece com você.
Isso vai fazer você compreender-se.
E uma vez que você se compreenda, poderá negociar, relacionar, comunicar e realizar melhor suas atividades, em perfeita sinergia com os demais.
E então, colher os resultados que desejou, sonhou, tornou metas e objetivos, nessa interação com os demais, o ambiente e o momento em que se encontra.
Avante, pois é assim que você, eu e mais 7 bilhões de seres humanos somos.
Se você gostou, comente, compartilhe.
Afinal trocar conhecimento é expandir Energia e gerar Sinergia.
Sucesso, é o que lhe envio nesse momento, syn!

http://www.shineyournature.blogspot.com.br/

terça-feira, 12 de agosto de 2014

Trabalho e Felicidade: algo possível? Siga 7 boas dicas de especialistas

Pois é...
Esse dilema entre trabalhar e ser feliz sempre acaba nos encontrando em algum momento da vida, certo?
E, queiramos ou não, acaba por evoluir para outros setores da nossa Roda da Vida.
Assim, como encontrar uma maneira saudável e inteligente de criarmos uma convivência entre ambos?
Encontrei um artigo que poderá lhe ajudar.
São dicas simples e complexas.... como sempre gosto de dizer!
Leia com atenção e trate de começar a praticar.
Para seu bem-estar e para que você possa, com toda sua sinergia, Ser Estar Fazer aquilo que lhe foi confiado, muito antes de aqui respirar.
Boa leitura, syn!
http://www.shineyournature.blogspot.com.br/2014/03/trabalho-shine-your-nature-fatorsyn.html

"7 Passos para Ser Mais Feliz no Trabalho, segundo a Ciência"
Por Rennan A. Julio _ revista Galileu _ (hiperlinks indicados no original)

Pesquisas mostram que bastam algumas mudanças para encontrar maior qualidade de vida.
Pode até parecer que a rotina já o engoliu e que todos os seus sonhos de universitário foram atropelados pela vida, mas sempre há como mudar a forma com que você encara o serviço. 
Pesquisas, estudos e livros mostram que somente alguns passos são necessários para uma vida mais tranquila no trabalho. 
Então veja a lista de dicas que a The Week separou para ser mais feliz com a sua profissão:

1 – Dinheiro não importa tanto assim
Por mais que pareça um pouco utópico e até mesmo inacreditável para a realidade em que nos encontramos, dinheiro não é sinônimo de felicidade. Segundo pesquisas recentes, dos fatores que fazem as pessoas felizes no trabalho, bom salário está entre os últimos.
Para uma pesquisa realizada nos Estados Unidos, China, Japão e Índia pela Mercer, “base salarial” se encontra em sétimo dos 12 principais fatores para ser feliz no trabalho. 
Segundo a Harvard Business Review, “aceitar um trabalho pelo salário” é um arrependimento número um na pesquisa de carreiras.
Surpreendente?

2 – Status vale menos do que respeito
Por mais que profissões antigas, que carreguem respaldo da sociedade, possam parecer mais prestigiosas, saiba que mais vale um emprego em que se é respeitado do aquele que impõe respeito.
Segundo essa pesquisa, ser um chefe confiável – ou confiar no seu chefe – vale mais do que um aumento de 30% no salário. 
Para essa equipe, fazer parte de um grupo de colegas que gosta significa maiores chances de promoção. 
Para o sociólogo Richard Sennett, escritor do livro ‘How to Find Fulfilling Work’, respeito faz com que as pessoas se sintam “seres humanos completos, cuja presença realmente significa alguma coisa”.

3 – Fazer a diferença faz diferença
Uma lista com os “trabalhos mais felizes” foi divulgada e nas primeiras colocações pudemos encontrar:
bombeiros, professores, fisioterapeutas, psicólogos e muito mais. 
Em breve conclusão, trabalhos que trazem benefícios sociais tendem a trazer satisfação pessoal.
Para os cientistas Howard Gardner, Mihaly Csikszentmihalyi, e William Damon, pessoas que trabalham para o bem dos outros exibem altas taxas de felicidade no emprego.

4 – Use o que você tem de melhor
Procure usar o seu talento! 
Segundo esta pesquisa, trabalhar com o que gosta é responsável por grande parte das “emoções felizes” que sentimos. 
Quando incentivadas a fazerem o que sabem – e amam –, as pessoas são mais produtivas.
http://www.shineyournature.blogspot.com.br/2014/04/entusiasmo-shine-your-nature-fatorsyn.html
5 – Corra atrás do que ama
O clichê ataca novamente: 
Fazer o que ama traz benefícios muito positivos. 
Para essa pesquisa, os indivíduos entrevistados que trabalhavam com o que amavam se mostraram muito mais satisfeitos, animados e felizes com suas vidas. 
Em contraponto, demonstraram baixíssimos níveis de ansiedade e depressão.

6 – Seja autônomo
Autonomia é um dos passos mais importantes para um bom emprego. 
Sentir-se capaz de controlar o seu tempo e suas ações, sem que sejam necessárias ordens, é ideal, como diz o livro ‘How to Find Fulfilling Work’
Viva a liberdade!

7 – Pare de procurar o trabalho perfeito
O trabalho perfeito não existe! 
Pelo menos não aquele que você sonha antes de dormir... 
“o que uma pessoa pode aprender, praticamente todas as pessoas podem aprender”. 
Com isso, ele defende que a evolução dos nossos talentos seja constante, gerando a abertura de portas novas o tempo inteiro. 
Assim aumentando as chances de fazer o que gosta e, consequentemente, de ser feliz no que faz.

Então... gostou?
Fiquei aqui a pensar enquanto criava o post e relia a matéria...
Procure "sentir"aí em sua empresa isso que foi descrito acima.
E saiba que nada é mais importante que encontrar esse "estado de viver".
Somente assim, poderá se desenvolver, encarar os medos e as mudanças e principalmente os momentos de maior dificuldade, quando precisará acreditar muito em seus talentos, virtudes e em você.
-- compartilhe se gostou, isso é nosso dever e obrigação, syn! --


http://ricomader.blogspot.com.br/2011/03/compartilhar-e-contruir-conhecimento.html

domingo, 20 de julho de 2014

IBIZA, um lugar de sonhos... você e sua empresa podem me ajudar a estar nesse "paraíso"

Sabe aquele lugar que você algum dia sonha estar?
Aquele lugar que você sonha poder passear e aproveitar cada canto, cada movimento, cada loja e restaurante, cada dia e noite, cada pessoa nativa e apreciar o turismo, a cultura, a economia e sentir o ambiente social em que vivem?
Saiba que isso é antes de tudo extremamente saudável... diria até necessário!
E serve de incentivo para que você possa se dedicar mais naquilo que faz, para, como um presente pelo seu esforço, ir até lá e realizar "in loco", seu sonho.
Pois bem... um de meus sonhos é estar em IBIZA.
E de preferência, em pleno verão europeu, óbvio!
Ibiza é uma ilha do arquipélago de Baleares, localizada no Mar Mediterrâneo, sendo uma comunidade autônoma da Espanha.
http://www.ibiza.travel/en/
E que, no verão europeu (que começa em junho e termina em outubro) atinge seu pico, com uma agitada vida noturna em badalados bares e danceterias, que varam a noite e convidam para agradecer ao nascer de mais um dia de sol.
Durante o dia (ou melhor, a tarde, afinal precisamos dormir e repor as energias, certo?) pode-se curtir passeios em lanchas e iates, esquiar, andar de parapente e apreciar as praias em mergulhos no mar, para se refrescar e curtir a vida marinha ao redor.
E como não pode faltar... champanhes francesas, cerejas de verdade, lagostas ao termidor e tudo que o luxo pode nos proporcionar.
E o melhor de tudo, pagar em Euros e... à vista!
Ibiza é um lugar bastante conhecido também por suas... 
praias de nudismo... 

E aqui começo a lhe explicar 
o porque vou pedir que 
me ajude a estar nesse "paraíso" :-)
Vamos fazer um acordo.
É um acordo simples, mas complexo.
Entenda porque é simples e complexo.
Por que é simples?
É simples porque, sinceramente, acredito que não vai "quebrar" nem você nem sua empresa.
Esse nosso acordo será com sua empresa, não com você, pessoa física, ok?
Portanto, relaxe e vamos em frente.... rumo a IBIZA :-)
O que preciso que me ajude é simplesmente 
DOAR DIARIAMENTE, 
isso mesmo, 
todos os dias, apenas R$ 100,00 (cem reais) em minha conta corrente.
Estou a pedir somente R$ 100,00 (cem reais).
E de sua empresa, não de você, caro leitor.
Nada mais e nada menos.


Topa encarar e me ajudar a realizar um sonho?
Pergunto: 
"O que são R$ 100,00 (cem reais) para sua empresa?"
Antes que responda nos comentários do blog, vamos ao complexo.
Por que é complexo?
Porque (e se eu estiver errado, por favor, comente no blog), vai ser um indicador do DESPERDÍCIO diário que acontece aí na sua empresa.
Calma... 
Não se irrite.
Vou justificar meu pedido de doação de apenas R$ 100,00 (cem reais) todos os dias em minha conta corrente.
Lembro que será muito bem utilizada essa sua doação, pode ter certeza absoluta.
Pare e reflita com as seguintes questões chaves:
a) Quanto de material é desperdiçado diariamente na sua empresa?
_ "material" que compreende: matéria-prima, suprimentos, de consumo, em processo, em espera, em transporte, em inspeção, em não conformidades, perdidos no almoxarifado, abandonados nos páteos, escondidos nas bancadas e nas mesas... a lista é longa, eu sei.
Faça uma lista agora.
Pegue um papel e uma caneta.
Vale a pena e não vai demorar mais do que 5 minutos.
Pegou?
Excelente!
Agora escreva cada um dos itens que lembrar.
Em seguida, após listar cada um dos itens, procure valorar, ou seja, determinar um valor monetário para cada um dos itens que indicar.
Ainda não some, vamos em frente.
b) Quanto é desperdiçado diariamente em sua operação?
_ "operação" que pode ser um processo industrial, uma atividade fabril, administrativa, de vendas, de atendimento ao cliente, de aprovação de qualquer coisa, de solicitação de compras, de um pedido de reembolso, um retrabalho, um questionamento de alguma pessoa e por ai vamos... é outra lista bem longa, eu sei.
Pegue aquela sua lista e trate de valorar, determinar um valor monetário.
c) Quanto de informação é desperdiçada diariamente em sua empresa?
_ "informação" aqui compreendida como comunicação falha, falta de retorno, falta de confiança nos números, necessidade de se levantar de sua cadeira, sair de sua mesa e ir até o local aonde está o que precisa se certificar e depois voltar (e tomara que ninguém apareça e interrompa esse seu caminhar), reuniões sem pauta e ata... mais uma lista longa, eu sei.
Inclua em sua lista e busque valorar monetariamente.
d) Quanto desperdício de documentos acontece diariamente em sua empresa?
_ vamos assumir aqui que "documentos" correspondem aos papéis que não precisariam existir, mas por força dos hábitos (algo como já ouvi centenas de vezes... "Aqui sempre foi assim.") continuam a ser gerados, preenchidos, encaminhados, bem como o oposto, aqueles documentos fundamentais (como os fiscais e afins) que simplesmente, como num passe de mágica, somem... a lista é longa, eu sei.
Aproveite sua lista (que com certeza deve estar grande) e acrescente o valor monetário.
e) Quanto desperdício com o meio ambiente ocorre diariamente em sua empresa?
_ "meio ambiente" será aqui considerado somente o local físico (área construída e área total) de sua empresa. Já passeou pelos corredores, áreas comuns, banheiros, refeitórios, páteos, fundos de galpões, o canto escuro de seu almoxarifado, aquele "quartinho" que fica isolado lá no fundo...
Com certeza irá encontrar sinais de desperdício.
Outros locais interessantes são os "estoques intermediários" entre os setores operacionais... dê uma volta por lá também.
Existem torneiras pingando, caixas d'água destampadas, privadas sem tampas, cestos de lixo abarrotados e invadindo o chão ao redor, compressores rodando à toa, mangueiras com furos, lâmpadas queimadas e luminárias quebradas, aquele piso detonado... eis outra longa lista, eu sei.
Vai anotando em sua lista e lembre-se de valorar financeiramente.
E aí, como está sua lista?
Incluiu tudo, está completa?
Com todos os itens e seus valores?
Ótimo!!!!
Agora some todos os valores que você indicou.
Faça um círculo em volta desse total.
Maravilha!!!
Se quiser e puder, me envie por email.
Será bem interessante!
E você estará a contribuir com minha
http://synerhgon.com.br/desperdicio2014.pdf

PESQUISA SOBRE
O BURACO NEGRO 
DO 
DESPERDÍCIO 
E SUSTENTABILIDADE:
ZDSyn!
ZERO
DESPERDÍCIO 
SYNERHGON".
Bem, creio que agora podemos voltar ao que interessa, minha viagem ao "paraíso" de Ibiza, com suas praias lindas, pessoas maravilhosas, noitadas inesquecíveis, comidas e bebidas de primeira, belas praias de nudismo... algo que o meu e o seu imaginário nunca pensaram existir e muito menos estar.
Pois agora, com sua singela e sincera doação, de apenas R$ 100,00 (cem reais) por dia, começara a se tornar realidade... que maravilha, hein?
Prometo que lhe enviarei, em troca de sua doação, fotos e vídeos diariamente, de cada momento incrível que lá vivenciarei.
E me lembrarei de você e de sua empresa com muito carinho.
Não fique chateado... 
Essa sua doação é uma "merreca" perto do que a sua lista indica, concorda comigo?
Ah!
Assim que acabar de ler, me envie um email e lhe passarei os dados de minha conta corrente.
UHHUUUU!!!!
E lá vou eu para Ibiza, muito feliz e pulando de contentamento, em poder desfrutar desse "paraíso"... 
como um rei :-)
---------------------------------------
PS: se quiser, solicite para sua empresa uma
Avaliação Básica do Desperdício.
Para isso, você (ou melhor, você e sua empresa) precisa apenas fazer três coisas agora:
a) Acesse o documento:
ZDSyn! DESPERDÍCIO & SUSTENTABILIDADE, clicando aqui.
b) Leia com muita atenção e divulgue para todos os tomadores de decisão de sua empresa.
c) Solicite sua avaliação básica.
Para isso, entre em contato comigo.
Está é uma PROMOÇÃO ECONÔMICA E GENEROSA.
Estou a promover, para que você e sua empresa possam saber como está esse importante tema por meio dessa prestação de serviço.
Normalmente o valor para esse trabalho é de R$ 1.000,00 (hum mil reais). Esse valor está atualizado para julho de 2014.
Mas, como entendo que se interessa em 
ELIMINAR O BURACO NEGRO DO DESPERDÍCIO E GERAR SUSTENTABILIDADE
aproveite essa generosa promoção.
Por apenas R$ 25,00 (vinte e cinco reais) você e sua empresa receberão um relatório (depois de ser preenchido por você e os tomadores de decisão) por mim avaliado, contendo informações que irão ajudar e muito a descobrir como está isso aí.
Veja, o valor é simbólico.
São apenas R$ 25,00!!!
Isso equivale a somente 2,5% do valor normal dessa avaliação!
E um desconto de 75% do valor de R$ 100,00 que depositará diariamente em minha conta!
Nada mal, concorda?
Aliás, é tudo de bom!!!!
Bom demais, para quem busca encontrar e eliminar o desperdício.
E sem desperdício, gerar sustentabilidade.
Imagine que, com esse relatório de avaliação básica, você e sua empresa já poderão iniciar algumas importantes e necessárias ações para eliminar alguns pontos da sua extensa lista (aquela que você, espero, tenha feito, como sugeri acima).
Aproveite a promoção e comece agora a atacar o "buraco negro" do desperdício.
clique aqui e acesse o documento ZDSyn!
-------------------------------- 
PPS: se você entende que sua empresa não desperdiça, gostaria muito de conversar e conhecer mais sobre isso. 
Basta enviar um SMS e lhe ligarei de volta. Ou comente aqui no blog.
http://synerhgon.com.br/ZDSyn_desperdicio2014.pdf