terça-feira, 17 de abril de 2012

A importância do PPCP para facilitar o fluxo, gerar resultados e superar expectativas

Imagine a sensação de que, neste exato instante em que você está lendo este artigo, seja 6ª. feira.
Final de mais uma semana e... IHA!... do expediente... é um momento especial, concorda?
Quem não gosta de saber que, por apenas estar na 6ª. feira, abre-se uma expectativa de que nos próximos dois dias você poderá se dedicar a atividades que bem entender e escolher, ou simplesmente não fazer nada.
Confesse, é uma deliciosa, relaxante e cá entre nós, merecida sensação!
Adoramos quando chegamos ao final de algo.
Nos sentimos vitoriosos.

E ficamos mais satisfeitos ainda quando, ao rememorar os eventos que aconteceram durante a semana que esta prestes a terminar, descobrir que colhemos os frutos que vieram amadurecendo, foram cuidadosamente acompanhados, tratados, alguns ainda não chegaram ao ponto e outros, infelizmente tiveram que ser descartados.
Sentimos uma dose de orgulho pelos resultados alcançados.
E mais ainda, quando não somente aquilo que planejamos foi realizado, mas houve superação.
Pois somos assim.
Muito bom, não é mesmo?

assim também é a razão de ser do PPCP.
Ops!?!?!
PPCP?
Syn!
É a sigla para Planejamento, Programação e Controle da Produção.
Cujo objetivo é ser o maestro da orquestra ou o cérebro de sua empresa.

E popularmente conhecido como PCP.
Um desafio que merece ser adotado pelas empresas, particularmente aquelas que produzem bens e serviços. 
Um desafio que requer muita fibra, força de vontade, tenacidade e mais do que tudo, sabedoria para se comunicar e firmeza em superar adversidades, das mais simples até aquela considerada impossível (para os outros, claro!).

O mais incrível do PPCP é que ele não produz absolutamente nada de concreto!
O PPCP simplesmente une e trata os principais elementos que fluem em sua empresa: Informação, Produtos_Serviços e Documentos.
E busca oferecer as melhores alternativas possíveis para que eles atendam aos prazos combinados.
Como sempre digo... simples e complexo!

http://synerhgon.com.br/SYNERHS_curso_pcp.htm
E no entanto, uma vez adotado, implantado e em plena operação, torna-se elemento chave para que se possa atingir as metas e os objetivos _ de Produção, Vendas, Estoques e Mercado _ e tornar a orquestra (pois, como disse, ele é o maestro de sua empresa) afinada em ritmo, timbre, balanço e harmonia.

A orquestra abrange tanto a produção (o local aonde se faz dinheiro) como compras, vendas, almoxarifado, TIC, qualidade e todos os demais departamentos que estão diretamente envolvidos com aquele fluir. 

Porém, para que possa alcançar este status, algumas recomendações básicas e fundamentais são necessárias:

- a diretoria precisa acreditar que é chegada a hora
- a diretoria deve estar disposta a encarar este desafio
- a diretoria vai oferecer todos os recursos necessários
- a diretoria quer colher no futuro melhores resultados

Syn!
Exatamente isto!

Se a diretoria não estiver preparada para acompanhar e apoiar, esqueça!
E mais outra: não faca isto sozinho, será uma missão suicida e impossível.
Uma vez que as recomendações acima sejam seguidas, pode-se dar início, sem temor de encontrar um gosto amargo, parecido com a síndrome da 2ª. feira.

E assim, tornar sua empresa um fluir que pensa com um cérebro só, com uma orquestra afiada e afinada e o saudável desafio de viver todo dia como se fosse uma 6ª. feira ;-)

http://synerhgon.com.br/index.htm

PS: Se gostou, compartilhe com sua rede de contatos aí na empresa e nas redes sociais. Se tiver dúvidas ou queira compartilhar suas sensações, deixe seu comentário e conversamos. Syn! Vibro que aprecie muito!

curta.contate.siga.vamos.juntos